Call for Papers

A Rua e a Cidade – Limiares é a segunda de uma série de conferências multidisciplinares, dedicada ao estudo  das cidades e dos modos de vida que nelas se foram desenvolvendo ao longo dos tempos. Embora os Estudos Ingleses desempenhem um papel central nesta série de conferências, tanto do ponto de vista cultural como do geográfico, à semelhança do critério adoptado na primeira Conferência Internacional A Rua e a Cidade – Despertares, que suscitou o interesse de investigadores de uma vasta gama de disciplinas, como, por exemplo, literatura, arquitectura, sociologia e turismo, todas os contributos provindos de áreas relacionadas com o tema serão contemplados. Pretende-se, assim, continuar a explorar o tema na sua multimodularidade, procurando construir uma visão tão abrangente quanto possível da rua e da cidade.

Ao longo dos séculos, as cidades têm sido fulcro de experiências e intercâmbios culturais, congregando gentes diversas de forma recorrente. As ruas têm sido o espaço público onde os povos e os indivíduos tanto convergem em rede, como estão isolados na multidão. Também espalharam as vozes dos cidadãos insatisfeitos ou revoltosos, em épocas de crise, ou se tornaram uma plataforma para reunir apoio colectivo, em momentos de desespero. Em tempos de conflito, as cidades são simultaneamente santuários de esperança e teias multiculturais de negociações complexas. As dinâmicas e os desafios complexos de um meio urbano suscitam constantemente novas questões aos investigadores, no que se refere, por exemplo, aos aspectos da representação estética e política e ao modo como são interpretados e vividos. Assim, os estudos sobre dinâmicas tão complexas tornaram-se extremamente diversificados, promovendo um leque de perspectivas do espaço com que nos identificamos.

Lisboa vai ser a Capital Ibero-Americana da Cultura, em 2017, um “acontecimento [que] será o mote para a promoção de um ano artisticamente inovador, em que se terão em conta quer os processos históricos e a troca de conhecimentos que enquadram as relações entre estas cidades da Europa e das Américas, quer a existência de uma produção actual, artisticamente diferenciada e intrinsecamente plural”, segundo um comunicado da Câmara Municipal de Lisboa. Neste sentido, gostávamos de convidar todos a partilhar esta atmosfera urbana que ultrapassa as fronteiras da Europa e interliga a cidade de uma forma global.

A Segunda Conferência Internacional A Rua e a Cidade – Limiares terá lugar na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e na Escola Superior de Turismo e Hotelaria do Estoril, entre os dias 5 e 7 de Abril de 2017.

Este encontro científico continua a privilegiar o debate interdisciplinar no seio dos Estudos Ingleses, actuando como um espaço produtivo de divulgação da investigação académica mais recente, tanto no que respeita aos Estudos Culturais, aos Estudos Urbanos, como a outras áreas de interesse em relação às cidades, aos seus espaços e às suas culturas. Além de incentivar o diálogo entre diferentes perspectivas científicas, a Comissão Organizadora deseja promover encontros informais entre os participantes.

Assim, os tópicos e temas de interesse relacionados com a Rua e / ou a Cidade incluem, mas não se limitam, aos seguintes:

  1. Representações Estéticas da Cidade
  2. A Rua Política
  3. Ruas, Consumismo e Moda
  4. Património Cultural Urbano
  5. Espaços Urbanos Masculinos / Femininos
  6. As Cidades como Santuários de Esperança ou Desespero
  7. As Ruas e as Cidades como Teias de Negociação
  8. Mobilidade na Cidade e Fluxos Urbanos
  9. Cidades Literárias
  10. Ritmos Urbanos
  11. O Turista e o Flaneur
  12. Cidades Imaginadas
  13. A Cidade e os Comuns
  14. A Rua e os Sentidos
  15. A Cidade e as Expressões das Comunidades
  16. Cidades Sustentáveis

As propostas de comunicação, de painéis e de mesas-redondas (20 minutos por orador) devem ser submetidas até 28 de Fevereiro de 2017, através da página da conferência:

www.aruaeacidadelx.wordpress.com

E-mail de contacto: thestreetandthecity@gmail.com

As propostas individuais, com o máximo de 300 palavras, com a duração de vinte minutos, devem incluir o título completo da comunicação, o nome, a afiliação institucional, endereço postal e electrónico, e uma breve nota biográfica (máx. 100 palavras).

As mesas-redondas terão o máximo de quatro oradores e um moderador; deve ser enviada uma proposta de 500 palavras (com breves notas biográficas, máx. 100 palavras cada).

Os painéis, com três oradores e um moderador, devem incluir uma breve descrição do painel (300 palavras), assim como uma proposta de 300 palavras e uma breve nota biográfica de cada orador (máx. 100 palavras cada).

Línguas de trabalho: Inglês e Português

A publicação de uma selecção de comunicações resultará de um processo de “peer review”.

 

Anúncios